Os Resultados das Rodadas de Partilha 2017 Agrupados – As Listas dos...

Os Resultados das Rodadas de Partilha 2017 Agrupados – As Listas dos Maiores

800
COMPARTILHAR

Por Luiz Ehlers (EnergyWay)

RPP2 – 2ª Rodada de Partilha de Produção (Unitização)

RPP3 – 3ª Rodada de Partilha de Produção

 


QUAIS FORAM AS ÁREAS OFERECIDAS NAS RODADAS DE PARTILHA 2017?

Foram oferecidas ao todo oito áreas (blocos) distribuídas em duas rodadas. São elas:

RPP2 – Entorno de Sapinhoá, Norte de Carcará, Sul de Gato do Mato e Sudoeste de Tartaruga Verde.

RPP3 – Peroba, Pau Brasil, Alto de Cabo Frio Oeste e Alto de Cabo Frio Central.

clique para ampliar

 


QUAIS OS CONSÓRCIOS VENCEDORES NAS DUAS RODADAS DE PARTILHA?

Dos oito blocos, seis foram arrematados. Pau Brasil e Sudoeste de Tartaruga Verde não tiveram oferta.

clique para ampliar
clique para ampliar

 


QUAIS AS ÁREAS COM BÔNUS DE ASSINATURA MAIS ELEVADOS?

Norte de Carcará é a área com maior bônus de assinatura. Cabe salientar que estes são valores previamente definidos em edital e, assim, não fazem parte dos critérios de vitória dos lances. Os valores dos bônus devem ser pagos pelos consórcios vencedores na assinatura dos contratos, que está prevista para 27/12/2017.

clique para ampliar

 


QUAIS AS ÁREAS MAIS DISPUTADAS (COM MAIS LANCES)? 

Ao todo houve 11 lances, sendo que Peroba foi o mais disputado com três ao todo.

clique para ampliar

QUAIS OS ÁGIOS (ACIMA DO MÍNIMO) DOS LANCES VENCEDORES?

Grande parte dos lances apresentou valores de óleo excedente bastante acima do mínimo exigido no edital. O ágio mais alto foi da área Entorno de Sapinhoá, que foi arrematado com uma excedente de óleo de 80%, sendo que o mínimo exigia pouco mais de 10%.

clique para ampliar

QUAIS AS EMPRESAS VENCEDORAS COM OS MAIORES INVESTIMENTOS (BÔNUS DE ASSINATURA)?

Os valores de bônus de assinatura que serão pagos pelos consórcios vencedores totalizaram R$ 6,15 bilhões.

As empresas que lideraram os investimentos (em bônus) foram a ExxonMobil e Statoil, movidas especialmente pelo alto bônus em Norte de Carcará.

Considerando a participação percentual das empresas vencedoras no consórcio, temos a seguinte distribuição de investimentos em bônus de assinatura:

clique para ampliar

 


QUAIS AS EMPRESAS PRESENTES EM MAIS BLOCOS?

Considerando a participação das empresas nos blocos arrematados, temos as seguinte distribuição:

clique para ampliar

QUAIS AS ÁREAS A PETROBRAS MANIFESTOU PREVIAMENTE O DIREITO DE OPERADORA (30%)? 

Conforme a resolução do CNPE nº 9/2017, a Petrobras deve manifestar previamente o direito de ser operadora nas áreas de sua escolha. A empresa manifestou seu direito em:

clique para ampliar

 


QUAIS AS EMPRESAS PRESENTES NAS ÁREAS DE CONCESSÃO ADJACENTES AOS BLOCOS DE UNITIZAÇÃO (RPP2)?

As duas primeiras áreas são adjacentes a blocos, ou seja, encontram-se ainda em fase de exploração. Estes foram licitados anteriormente às descobertas do Pré-Sal.

NORTE DE CARCARÁ – adjacente ao prospecto de Carcará (bloco BM-S-8). De operação da Statoil (66%), essa concessão adjacente conta com a participação da Barra Energia (10%), QGEP (10%) e Galp (14%).

SUL DE GATO DO MATO – adjacente ao prospecto Gato do Mato (bloco S-M-518 / BM-S-54). De operação da Shell (80%), essa concessão adjacente conta com a participação da Total (20%).

As demais áreas já possuem Declaração de Comercialidade tratando-se, assim, de campos produtores.

ENTORNO DE SAPINHOÁ – adjacente ao campo produtor de Sapinhoá na Bacia de Santos (BM-S-9). De operação da Petrobras (45%), o campo possui também a participação da Shell (30%) e Repsol Sinopec (25%).

SUDOESTE DE TARTARUGA VERDE – adjacente ao campo produtor de Tartaruga Verde (C-M-401), que possui jazida compartilhada de Tartaruga Mestiça na Bacia de Campos. A Petrobras detém essa concessão adjacente integralmente.

 


QUAIS ÁREAS DO PRÉ-SAL ESTÃO PREVISTAS NAS PRÓXIMAS RODADAS DE PARTILHA (2018/2019)?

A 4ª Rodada de Partilha, prevista para maio de 2018 deverão ser avaliados os prospectos de Saturno, Três Marias e Uirapuru, na Bacia de Santos, e os blocos exploratórios C-M-537, C-M-655, C-M-657 e C-M-709, situados na Bacia de Campos.

A 5ª Rodada de Partilha, prevista para o segundo semestre de 2019. Deverão ser avaliados os prospectos de Aram, Sudeste de Lula, Sul e Sudoeste de Júpiter e Bumerangue, todos na Bacia de Santos.

CLIQUE PARA AMPLIAR

Leia também: