Em março de 2018, Pré-sal representou 54% da produção nacional de petróleo...

Em março de 2018, Pré-sal representou 54% da produção nacional de petróleo e gás

264
COMPARTILHAR

 

A produção do pré-sal em março totalizou 1,745 milhão de boe/dia, correspondendo a 54% do total produzido no país, mesmo com a redução de 1% em relação ao mês anterior. Foram produzidos 1,396 milhão de barris/dia de petróleo e 55 milhões de m³/dia de gás natural por meio de 83 poços.

Em março, a produção de petróleo e gás do país foi de aproximadamente 3,23 milhões de boe/dia. Foram produzidos 2,557 milhões de barris/dia de petróleo, representando uma redução de 2,3% em comparação com o mês anterior. O decréscimo foi ocasionado pelas paradas nos campos de Peregrino e Lula, na bacia de Campos e na bacia de Santos, respectivamente.

A produção de gás natural totalizou 107 milhões de m³/dia, uma diminuição de 2,6% em comparação ao mês anterior. A diminuição também ocorreu em razão de paradas para manutenção, dessa vez em plataformas nos campos de Lula, na bacia de Santos e Peroá/Cangoá, na bacia do Espírito Santo.

Campos produtores

O campo de Lula, na Bacia de Santos, foi o maior produtor de petróleo e gás natural. Produziu, em média, 832 mil barris/dia de petróleo e 34,8 milhões de m³/dia de gás natural. O FPSO Cidade de Maricá foi a unidade com maior volume produzido, 148,8 mil barris/dia por meio de oito poços.

Fonte: Brasil Energia